Declaração sobre o uso de AINEs no tratamento do COVID-19

A ILAR (Associação de Autocuidado Responsável da América Latina) aconselha a população da América Latina, que tem dúvidas sobre o tratamento da dor e febre durante a pandemia do COVID-19, a confiar nas recomendações dos profissionais de saúde, nos comunicados de portais de saúde administrados pelo governo e as indicações de medicamentos isentos de prescrição. Especulações recentes sobre uma ligação entre o uso de anti-inflamatórios não esteroidais (AINEs), como o ibuprofeno, e a piora dos sintomas devido ao COVID-19, atualmente não são suportadas por evidências científicas.

A Agência Europeia de Medicamentos (EMA) publicou hoje, 18 de março, uma posição informando que não há relação entre o uso de ibuprofeno e a piora dos sintomas do COVID-19. Além disso, recomenda que, no tratamento da infecção por COVID-19, pacientes e profissionais de saúde considerem todas as opções de tratamento disponíveis, incluindo paracetamol e AINEs.

Link: https://www.ema.europa.eu/en/news/ema-gives-advice-use-non-steroidal-anti-inflammatories-covid-19

A ILAR está monitorando de perto a situação e analisará qualquer nova informação disponível sobre esse tópico para ajudar na disseminação adequada de informações verdadeiras e cientificamente comprovadas.